Categoria: Luzone Legal

A Importância Do Pacto Antenupcial Para a Proteção Empresarial

The Importance of The Prenuptial Agreement for Business Protection

Antes do casamento, muitos empresários evitam tratar de assuntos relacionados ao patrimônio pelo possível desconforto que poderia ser causado com o futuro cônjuge. No entanto, sobretudo para o empresário, o pacto antenupcial pode ser uma ferramenta muito importante a fim de proteger a sobrevivência de seu negócio após eventual turbulência familiar que venha ocasionar o fim da união. 

Caso o empresário não escolha um regime de bens diferenciado, para se proteger de eventual ruptura conjugal futura, obrigatoriamente seguirá o regime da comunhão parcial, atualmente o regime geral de bens no Brasil. Por isso, para a validade dos outros regimes de bens no casamento, também previstos em lei, é necessária a realização de um pacto antenupcial para prever a forma diferenciada de comunhão do patrimônio. 

Portanto, o pacto antenupcial pode prever regras específicas para o casamento, as quais podem ser utilizadas como ferramenta de proteção ao patrimônio entre os cônjuges. Com a possibilidade de estipulação de regras específicas sobre o patrimônio, o pacto antenupcial oferece segurança jurídica ao empresário, visto que a questão da propriedade e da administração dos bens fica já resolvida antes do casamento, evitando brigas e problemas futuros sobre a relação patrimonial.

Por meio do pacto antenupcial, é possível, até mesmo, escolher ou criar novas determinações de acordo com o regime de bens melhor indicado ou até mesmo estabelecer cláusulas inéditas, que venham a proteger mais a empresa, desde que tais ajustes não sejam contrárias à ordem pública.

Como todo empresário sabe, empreender significa correr riscos e administrar uma empresa demanda habilidades e aptidões que o cônjuge pode não possuir. Portanto, é fundamental, para evitar a perda de bens e a falência de um negócio, em razão dos riscos de um eventual divórcio, que os empresários e administradores de empresas organizem seu patrimônio de modo e evitar que ele seja dissipado por uma má administração na atividade empresarial.

Além do risco da redução de patrimônio com as atividades empresariais, uma organização familiar mal estruturada pode, do mesmo modo, acarretar a perda de bens, como no caso de divórcio e da contaminação por dívidas do cônjuge, em razão do regime de casamento escolhido.

O pacto antenupcial vem sendo cada vez mais utilizado entre membros de empresas familiares, visto que o patrimônio de cada cônjuge será exclusivo daquele que o adquiriu, não importando se a aquisição tenha ocorrido anterior ou na constância do casamento. 

Essa ferramenta de proteção patrimonial merece atenção principalmente em sociedades entre pais e filhos. Isso porque geralmente a aquisição teve origem no patrimônio dos pais e, no entendimento da família, esse novo bem adquirido não deveria ser incorporado igualmente ao patrimônio do cônjuge do filho, o que, na prática, acaba ocorrendo quando não se há um pacto nupcial previamente instituído. 

Fica evidente, portanto, os benefícios de um pacto antenupcial bem estabelecido, a fim de proteger o empresário em caso de divórcio ou eventual disputa de bens com o cônjuge, e permitir a sobrevivência de seu negócio, principalmente em empresas familiares, as quais são transmitidas entre pais e filhos ao longo do tempo, sem qualquer tipo de contribuição do cônjuge. 

Mais Artigos:

13/05/2019
A insegurança jurídica causada pela demora na finalização da auditoria para pagamento dos contratos da Petrobras

The Legal Insecurity caused by the delay in the termination of the audit for the payment of the contracts of Petrobras

13/02/2019
Desafios Jurídicos do Empreendedor Pós-Moderno

Legal Challenges of the Entrepreneur in the Post-Modern Age

16/10/2018
Como os Médicos e Empresários do Setor da Saúde Podem ter mais Segurança Jurídica no seu Negócio

How Phisicians and Health Entrepreneurs Can Have More Legal Certainty in Their Business

22/08/2018
A Importância do Memorando de Entendimento nas Negociações Empresariais

The Importance of The Memorandum of Understanding in Business Negotiations

07/06/2018
Benefícios da Arbitragem na Solução de Conflitos Empresariais

Benefits of the Arbitration in the Solution of Business Conflicts

03/05/2018
A Insegurança Jurídica com a Indefinição do REPETRO no Rio de Janeiro

The legal Uncertainty with the Indetermination of Repetro in Rio de Janeiro

13/03/2018
O Novo Repetro e o Projeto De Lei da ALERJ que Limita a Isenção Fiscal à Fase de Exploração

The New Repetro and the ALERJ Bill that Limits the Tax Exemption to the Exploration Phase

22/01/2018
Contratos Internacionais no Brasil

International Contracts in Brazil

25/08/2017
Como o Compliance Pode Efetivamente Ajudar as Empresas?

How Can Compliance Effectively Help Companies?

31/07/2017
Por Que Fazer Um Planejamento Sucessório Ainda em Vida?

Why to do a Estate Planning stil Alive?

12/07/2017
Saiba Como Averbar Uma Sentença Estrangeira Em Cartório No Brasil

Find Out How To File a Foreign Sentence In a Register Office in Brazil

28/06/2017
Como Construir uma Empresa Estrangeira no Brasil

How to Set Up a Branch of Foreign Company in Brazil

29/05/2017
10/04/2017
Responsabilidade Jurídica do Sócio Retirante

Legal Liability Of The Outgoing Partner

08/03/2017
Representação Legal de Empresas Estrangeiras no Brasil

Legal Representation of Foreign Companies in Brazil

02/08/2016
Auditoria Jurídica em Empresas

Due Diligence in Companies

18/07/2016
Partilha de bens no exterior

Partition of Properties Abroad

07/07/2016
28/06/2016
Homologação de Sentença Estrangeira no Brasil

Recognition of Foreign Sentence in Brazil

04/05/2016
Inventário de Bens de Estrangeiros no Brasil

Estate of Foreigners in Brazil